O evento, denominado “O Pinhal é a nossa bandeira”, com árvores oferecidas por diversas empresas e entidades, também inclui a “formação da bandeira nacional humana”, com chapéus-de-chuva.

A plantação - no talhão 256 do Pinhal de Leiria, ao longo de cerca de 30 hectares e que foi destruído pelo incêndio de 15 de outubro de 2017 – tinha já estado marcado para o dia 17, mas teve de ser adiado devido ao mau tempo.

O Pinhal de Leiria foi dizimado em mais de 80% pelo fogo.

A iniciativa tem como parceiros estratégicos o Exército e a Força Aérea.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.