"Que alegria ver Maradona novamente na nossa pátria amada! Venezuela é a sua casa, amigo e irmão de alma. Bem vindo!", escreveu Maduro no Twitter, junto a um vídeo do encontro.

"Estamos aqui", diz Maradona, técnico do clube Gimnasia y Esgrima de La Plata, da Superliga argentina, ao presidente socialista.

Noutra mensagem, Maduro agradece a Maradona pelo seu "apoio incondicional" à Venezuela.

Caracas será anfitriã nesta quarta, quinta e sexta-feira das reuniões do Foro de São Paulo, uma organização que reúne partidos políticos e organizações de esquerda, criada em 1990, a partir de um seminário internacional promovido pelo Partido dos Trabalhadores do Brasil.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.