Os textos dos três partidos foram aprovados por unanimidade na sessão plenária de hoje.

Na quarta-feira, o ministro da Educação garantiu que o Governo estava a trabalhar para fazer a "grande intervenção" na escola Alexandre Herculano explicando que o calendário de uma obra deste género é feito "sempre a médio, longo prazo".

Tiago Brandão Rodrigues havia sido questionado pelos jornalistas sobre a situação nesta escola - encerrada em 26 de janeiro por chover dentro das salas, tendo sido retomadas as aulas parcialmente na segunda-feira - assumindo que é algo que preocupa o Governo desde a tomada de posse, sendo "preciso agora atuar".

"Fizemos uma pequena intervenção para poder alocar um conjunto significativo dos alunos que na semana passada viram as suas atividades letivas interrompidas. Agora há o trabalho a fazer para que a grande intervenção que a Alexandre Herculano merece possa verdadeiramente ser feita", disse.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.