“Até agora, quatro pessoas morreram” na zona de Bhiwani,, escreveu o ministro regional da Administração Interna, Anil Jil, na rede social Twitter.

O governante acrescentou que equipas de resgate se deslocaram até ao local para verificar se há mais pessoas soterradas nos escombros.

No momento do deslizamento de terra, um número indeterminado de trabalhadores estava no local, pelo que o número de vítimas poderá aumentar nas próximas horas.

Por sua vez, o ministro da Agricultura do Estado, Jai Parkash Dalal, visitou a área afetada para analisar os danos causados pelo deslizamento e expressou as suas condolências aos familiares dos mortos.

As causas que podem ter originado este incidente são desconhecidas. Os deslizamentos de terra e inundações são frequentes na Índia, especialmente no verão, quando as chuvas se intensificam devido às monções.

Em agosto passado, pelo menos 13 pessoas morreram e cerca de 20 desapareceram devido a um deslizamento de terra ocorrido numa área montanhosa dos Himalaias, no norte da Índia.

Em fevereiro passado, uma grande avalanche de água e lama causada pelo derretimento de um glaciar fez pelo menos 45 mortos e cerca de 160 desaparecidos no distrito de Chamoli, no estado de Uttarakhand, em plena cordilheira dos Himalaias.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.