O ministro Adjunto e da Economia, Pedro Siza Vieira, considerou “muito importante” o acordo, assinado no âmbito da reunião ministerial da área do Turismo da organização de países lusófonos, que antecede o II Fórum de Negócios e Investimentos Turísticos no Espaço CPLP (Comunidade dos Países de Língua Portuguesa).

“Estamos a apoiar São Tomé e Príncipe, que identificou um conjunto de edifícios históricos, de roças, e que vai tentar atribuir, em concessão, exatamente o mesmo modelo do Revive. São edifícios que, ao mesmo tempo, são património de São Tomé e Príncipe, mas também representam, de alguma maneira, parte da História de Portugal”, sublinhou.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.