Na final do concurso, que decorreu em Bragança, entre as candidaturas vencedoras do título 7 Maravilhas da Cultura Popular, com anúncio aleatório, a terceira revelação indicou o Criptojudaísmo de Belmonte, distrito de Castelo Branco, seguindo-se a escolha da Festa em Honra de Nossa Senhora dos Remédios, em Lamego, distrito de Viseu.

As outras do conjunto de sete candidaturas vencedoras foram Os Santeiros de São Mamede do Coronado, na Trofa, distrito do Porto, a Romaria de S. Bartolomeu, em Ponte da Barca, distrito de Viana do Castelo, e o Colete Encarnado, em Vila Franca de Xira, distrito de Lisboa.

A cerimónia da final do concurso 7 Maravilhas da Cultura Popular foi transmitida pela televisão pública RTP, tendo estado em competição 14 candidaturas, das quais sete inseridas na categoria de Festas e Feiras, que foram eleitas pelo público através de votação por telefone.

O concurso dispõe de sete categorias, designadamente Artesanato, Lendas e Mitos, Festas e Feiras, Músicas e Danças, Rituais e Costumes, Procissões e Romarias, e Artefactos.

Além dos vencedores, tinham sido apuradas para a final outras sete candidaturas, designadamente a Arte da Seda de Freixo de Espada à Cinta (Freixo de Espada à Cinta, Bragança), a Feira de S. Tiago (Covilhã, Castelo Branco), a Festa da Benção do Gado (Riachos, Santarém), a Festa da Espiga (Salir, Faro), a Festa de São João de Braga (Braga), os Muros de Pedra Seca (Porto de Mós, Leiria) e Santo António, Festas de Lisboa (Lisboa).

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.