É a primeira vez num século que o samba não sai à rua, mas não a única na história.

A imprensa brasileira avança que o Carnaval do Rio de Janeiro vai ser adiado. A organização diz que as escolas de samba não terão tempo nem recursos financeiros e organizacionais para pôr em marcha o carnaval, pelo qual o Brasil é conhecido mundialmente.

Em julho deste ano, várias escolas de samba já tinham recusado desfilar no Carnaval, que iria acontecer em fevereiro de 2021, se ainda não houvesse uma vacina contra a Covid-19. A organização vai procurar alternativas.

O Brasil contabiliza 4,6 milhões de casos e 139 mil mortes à data. O Rio de Janeiro é o quarto estado brasileiro com maior número de infeções, quase 258 mil.

A última vez que o Carnaval foi suspenso foi em 1912, mas antes, em 1892, também não se realizou.

Em 1892, o Ministro do Interior mudou a data oficial para 26 de junho. Em causa, como escreve o Globo, estava o lixo gerado pelas festas, que em nada se assemelhavam ao glamoroso carnaval de agora. Na época, o divertimento vinha de fatos divertidos que as pessoas vestiam para atirar farinha, água e até dejetos humanos, como conta José Maurício Conrado, especialista em Carnaval e professor de Marketing na Universidade Presbiteriana Mackenzie.

A decisão oficial era mudar o carnaval de fevereiro para junho, um mês "mais saudável". Mas a população não respeitou a mudança e celebrou nas duas datas. Por isso, houve carnaval duas vezes nesse ano.

O segundo adiamento teve como motivo o falecimento do então Ministro das Relações Exteriores — o equivalente a Ministro dos Negócios Estrangeiros — José Maria da Silva Paranhos Júnior, que era muito popular entre os brasileiros.

O carnaval desse ano foi, assim, adiado de fevereiro para abril. Era um intervalo de dois meses, mas mesmo assim houve festejos nas duas datas: na antiga e naquela para que foi adiada.

A preocupação do professor Conrado para este ano é de que se festeje o carnaval como nestas vezes em que foi adiado: por duas vezes, em fevereiro e na data que ainda não foi definida.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.