De acordo com um comunicado da Presidência deste país, o diretor do Programa Mundial da Malária da OMS, Pedro Luis Alonso, informou as autoridades durante uma reunião com o ministro da Saúde, Francisco Alabi, esta semana em Genebra, na Suíça.

“O programa de prevenção e controlo desta doença desenvolvido pelo Ministério da Saúde foi intenso, mas produtivo, permitindo chegar a este importante reconhecimento para benefício de todos os salvadorenhos”, acrescenta-se no comunicado citado pela agência espanhola de notícias, a Efe.

“Este é o resultado do esforço e trabalho árduo em coordenação com o desenvolvimento de várias ações de saúde”, afirmou a Presidência.

Para o ministro da Saúde, a notícia, “conhecida no meio da pior pandemia dos últimos 100 anos, a covid-19, mostra que São Salvador conseguiu um dos maiores reconhecimentos na área da Saúde e isso deve-se ao mérito do Governo em salvaguardar a vida dos seus habitantes”.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.