Após nove especiais, o pentacampeão do mundo segue no primeiro lugar do rali italiano, com 01:35.56,9 horas, menos 18,9 segundos do que Neuville e menos 37,2 segundos do que o finlandês Jari-Matti Latvala (Toyota).

Na quinta-feira, Ogier, cujo abandono em Portugal o relegou para o segundo lugar do Mundial, a 19 pontos de Neuville, tinha vencido a superespecial do circuito de Ittiri, situado na região de Alghero, com um tempo de 02.02,07 minutos.

“Estou muito contente pela forma como o dia correu, tendo em conta as condições atmosféricas”, comentou o francês.

O primeiro dia a sério do rali da Sardenha ficou marcado pelos acidentes do estónio Ott Tänak (Toyota Yaris), terceiro do Mundial e que somou o segundo abandono consecutivo depois da desistência em Portugal, e do finlandês Teemu Suninen (Ford Fiesta).

No sábado os pilotos vão percorrer 146,56 quilómetros, ao longo de sete especiais disputadas na região de Alghero (noroeste).

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.