Os rebeldes, liderados pela Frente Fateh al-Sham, o ramo sírio da Al-Qaida, atacaram o bairro de Jobar e avançaram até à zona da praça dos Abássidas, que dá acesso ao centro da capital, segundo a organização não-governamental Observatório Sírio dos Direitos Humanos.

“Atacaram as forças do regime com duas viaturas armadilhadas e vários bombistas suicidas”, segundo o Observatório.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.