O site da KAN, emissora nacional israelita responsável pela co-organização do evento, foi "invadido" por imagens animadas de explosões na cidade de Telavive, que recebe o evento.

O ataque não afetou a transmissão da gala.

A emissora atribuiu estes ataques ao grupo islâmico Hamas, que ainda não comentou o incidente.

Citado pela agência Reuters, que avança com a notícia, Eldad Koblenz, CEO da KAN, esclarece que a emissora teve conhecimento de  "uma tentativa, aparentemente do Hamas, de controlar a nossa transmissão digital”. “Estou feliz em dizer que em poucos minutos conseguimos assumir o controlo sobre esse fenómeno”, afirma.

À agência internacional, a KAN procurou ainda minimizar o ataque, salientando que a noite terminou sem mais incidentes.

A edição deste ano fica marcada por vários pedidos de boicote ao festival. Várias organizações de todo o mundo, incluindo de Portugal, apelaram ao boicote à edição deste ano do concurso, por se realizar em Israel.

Portugal falhou esta terça-feira a passagem à final do 64.º Festival Eurovisão da Canção, com o representante português, Conan Osíris, a não passar da primeira semifinal do concurso.

São finalistas Katerine Duska com “Better Love” (Grécia), ZENA com “Like It” (Bielorrússia),  Nevena Božović com “Kruna” (Sérvia),  Tamta com “Replay” (Chipre), Victor Crone com “Storm” (Estónia), Lake Malawi com “Friend of a Friend” (República Checa), Kate Miller-Heidke com  “Zero Gravity” (Austrália), Hatari com “Hatrið mun sigra” (Islândia), Serhat com “Say Na Na Na” (San Marino) e Zala Kralj & Gašper Šantl com “Sebi” (Eslovénia).

Já Portugal, Montenegro, Finlândia, Polónia, Hungria, Bélgica e Georgia não foram avante. Os 10 países apurados esta terça-feira irão juntar-se outros 10, que serão escolhidos na segunda semifinal, na quinta-feira, entre 18 concorrentes.

Na final, no sábado, aos 20 países apurados nas duas semifinais, irão juntar-se os "Big Five" (França, Alemanha, Itália, Espanha e Reino Unido) e o país anfitrião (Israel). Na lista de preferências dos apostadores mantém-se em primeiro lugar, desde 9 de março, a Holanda, que é representada por Duncan Laurence, com o tema “Arcade”.

Se não conseguiu ver a gala, recorde aqui o vídeo da atuação de Conan Osiris.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.