A detenção de Alvarado, de 23 anos e natural da Flórida, ocorreu às 2:45 da madrugada (7:45 em Lisboa) na casa da estrela da pop, onde entrou após partir uma janela, explicou uma porta-voz da polícia. Swift não estava em casa no momento em que o seu "stalker" irrompeu pela sua casa.

Em abril passado, Alvarado usou uma escada e entrou na casa da cantora por uma janela. Ela também não estava no local nesse dia.

Os seguranças da cantora e a polícia retiraram-no do local e horas depois detiveram-no. Um juiz já lhe tinham emitido uma ordem de proibição de se aproximar novamente da casa de Swift.

Ele declarou-se culpado em dezembro e recebeu uma sentença de seis meses de prisão, que ainda não tinha começado a cumprir, e uma instrução obrigatória de tratamento psiquiátrico.

Mas mesmo antes, em fevereiro de 2018, já tinha sido preso por tentar arrombar a porta da casa de Swift com uma pá. Depois de hoje reincidir neste crime, foi detido e acusado de arrombamento e desobediência ao tribunal, detalhou a porta-voz da polícia.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.