De acordo com o Ministério da Defesa argentino, o contacto não chegou a ser estabelecido com o submarino, mas as autoridades estão a atentar localizar o emissor e tudo indica que a tripulação estava a tentar comunicar.

O submarino militar argentino ARA San Juan, com 44 pessoas a bordo, reportou pela última vez a sua posição na madrugada de quarta-feira, pelo que, passado algum tempo sem comunicação com o aparelho, a Armada decidiu ativar, na tarde de quinta-feira, o protocolo de busca.

Apesar do reforço do dispositivo de busca, o submarino ainda não foi encontrado.

As buscas foram dificultadas pela má visibilidade, devido ao mau tempo na zona onde o submarino foi localizado pela última vez na quarta-feira, a 430 quilómetros das costas da Patagónia e da Península de Valdés.

As buscas concentram-se numa zona com cerca de 300 quilómetros de diâmetro.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.