Segundo o autarca, este hotel de quatro estrelas concluído em 2015 será o "maior prejudicado na área dos serviços" do concelho de Soure, com viaturas de clientes danificadas pela queda de árvores, cerca de 30 dos quase 100 quartos danificados e estragos no spa e termas.

"Tinha, na altura, 300 hóspedes. Mas, felizmente, ninguém se aleijou", disse o presidente da Câmara de Soure, Mário Jorge Nunes, que falava aos jornalistas após um ponto de situação da EDP sobre a reposição da luz naquele concelho.

O autarca contou que dos 300 hóspedes 30 eram bombeiros do Algarve que conseguiram dar apoio aquando da passagem da tempestade pelo hotel.

Situado na fronteira com o concelho da Figueira da Foz, o Hotel das Termas do Bicanho estava "no sítio do primeiro impacto, onde a destruição é bem visível", sublinhou Mário Jorge Nunes.

O presidente da Câmara de Soure referiu que espera ainda hoje enviar uma estimativa dos prejuízos para a presidência do Conselho de Ministros.

Para o autarca, a estimativa inicial de um milhão de euros foi "uma subavaliação", referindo que os prejuízos apenas nos equipamentos municipais deverão ultrapassar esse valor, sem contar com os danos do setor industrial que teve de parar por falta de energia elétrica ou das instituições de solidariedade social, que também foram atingidas pela tempestade.

Na área agrícola, há várias estruturas de armazenamento danificadas e parte das culturas de arroz e de milho poderão perder-se, referiu.

No entanto, espera que a rápida reposição da luz possa reduzir o prejuízo, garantindo a secagem do arroz que já tinha sido colhido.

Na educação, seis estabelecimentos de ensino de Soure já estavam a funcionar hoje, sendo que os restantes deverão reabrir na quarta-feira, acrescentou.

A tempestade Leslie provocou 28 feridos ligeiros, 61 desalojados e quase 1.900 ocorrências comunicadas à Proteção Civil, de acordo com o balanço desta autoridade.

Dos 61 desalojados, 57 são do distrito de Coimbra.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.