“Um deles fica em prisão domiciliária” a aguardar julgamento “e os outros três ficaram em liberdade sob termo de identidade e residência”, disse hoje à agência Lusa fonte do Comando Territorial de Beja da GNR.

A detenção dos quatro homens, entre os 18 e os 25 anos, suspeitos de tráfico de droga, no concelho de Beja, foi anunciada pela GNR na sexta-feira.

Na operação, efetuada na quinta-feira, os militares do Posto Territorial e do Destacamento de Trânsito de Beja apreenderam 1.600 doses de canábis e 182 doses de haxixe.

Contactada pela Lusa, na sexta-feira, fonte da GNR revelou que os detidos eram “três homens portugueses e um de nacionalidade brasileira”.

As detenções, segundo a GNR, aconteceram na sequência de uma informação por parte da Guardia Civil espanhola de que “duas viaturas se tinham colocado em fuga em direção a Portugal”.

A operação montada pela GNR permitiu localizar e intercetar os veículos na Estrada Nacional 260, “próximo de Beja”.

Nas buscas efetuadas às viaturas dos suspeitos, além da droga, os militares apreenderam 1.666 euros em numerário e quatro telemóveis.

A operação policial contou com o apoio da PSP de Beja, referiu ainda o Comando Territorial da GNR.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.