A Casa Branca emitiu hoje a lista da delegação presidencial que se desloca a Jerusalém, onde está também incluído Jared Kushner, genro de Trump e conselheiro do Governo sobre o Médio Oriente.

O Presidente norte-americano, que em dezembro anunciou a decisão de reconhecer Jerusalém como a capital de Israel, rompendo com os seus antecessores, tinha deixado entender nos últimos dias que poderia estar presente na cerimónia.

Esta polémica transferência do local da embaixada para uma cidade que os palestinianos também reivindicam como capital de um futuro Estado está prevista para 14 de maio, com o objetivo de coincidir com o 70.º aniversário da criação do Estado de Israel.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.