“É, antes de mais, uma boa notícia, pela qual já esperávamos há algum tempo, e é finalmente uma justiça que se faz a um destino que tem primado pela segurança e pela implementação de protocolos sanitários, pela capacidade de conter a pandemia”, afirmou o presidente da Região de Turismo do Algarve (RTA), João Fernandes, à agência Lusa.

O responsável máximo do Turismo do Algarve considerou que a medida anunciada hoje pelo Reino Unido de incluir Portugal no corredor aéreo que isenta os viajantes de quarentena à chegada ao seu território “fazia todo o sentido para o país, e o Algarve em concreto, que é o principal destino dos britânicos em Portugal”, e agora é conseguido “finalmente esse reconhecimento”.

“Vem também acompanhar a possibilidade de companhias aéreas, operadores turísticos e agências de viagem 'online' reforçarem as suas operações, como canais de distribuição que nos fazem chegar os turistas, e é também a altura em que temos a decorrer várias campanha com estes parceiros, mas também como Channel 5, uma cadeia de televisão britânica com grande expressão no Reino Unido, com um programa dedicado à visita ao Algarve, e portanto vem com 'timing' perfeito”, acrescentou João Fernandes.

A mesma fonte espera agora que estas ações de promoção e a decisão tomada pelo Reino Unido “produza também os resultados” e possa ajudar ao crescimento da “procura” no “principal mercado emissor” de turistas para Portugal.

Questionado sobre se a medida pode já só ter efeitos a partir do início da época alta de golfe, em setembro, João Fernandes respondeu que nos meses de setembro e outubro “o Algarve ainda tem possibilidade com o clima que tem de prolongar a época balnear” e atrair alguns turistas pelo sol e praia.

João Fernandes destacou, no entanto, que a região do Algarve acolhe a competição da modalidade Portugal Masters, que será seguida “no mês seguinte pela Fórmula 1 e no mês de novembro pela Morto GP”, as duas principais competições de velocidade em automobilismo e motociclismo, respetivamente.

Este “grandes eventos” são, segundo o presidente da RTA, “argumentos adicionais” e “com grande expressão internacional” que também podem ajudar a “reforçar a procura”, a par de outras atividades igualmente apontadas como atrativos para a captação de turistas em época baixa no Algarve, como as caminhadas, a observação de aves ou o turismo de natureza.

O Governo britânico incluiu hoje Portugal na lista dos países com “corredores de viagem” para Inglaterra cujos passageiros ficam isentos de cumprir uma quarentena de duas semanas imposta devido à pandemia covid-19.

"Os dados também mostram que agora podemos adicionar Portugal aos países INCLUÍDOS nos corredores de viagens”, disse o ministro dos Transportes, Grant Shapps, através da rede social Twitter.

Pelo contrário, Croácia, Áustria e a ilha de Trinidad e Tobago, nas Caraíbas, vão ser retiradas da lista devido ao crescente número de infeções, tal como tinha acontecido na semana passada com França, Países Baixos, Mónaco, Malta, as ilhas Turcas e Caicos e Aruba, e anteriormente com Bélgica, Andorra, Bahamas, Espanha e Luxemburgo.

O Reino Unido introduziu a necessidade de auto-isolamento por 14 dias a todas as pessoas que cheguem do estrangeiro ao Reino Unido em 08 de junho para evitar a importação de infeções, mas um mês depois isentou cerca de 70 países e territórios, considerados de baixo risco.

A isenção de quarentena é acompanhada com a mudança do conselho do Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE) contra as viagens não essenciais para aqueles destinos, importante para efeitos de seguro de viagem.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.