Fontes policiais confirmaram à estação de televisão pública do Canadá, CBC, que a operação onde participaram várias unidades táticas das forças de segurança locais se tratou de um falso alarme provocado por uma chamada para o número de emergência nacional 911.

Horas antes, várias cadeias de televisão canadianas noticiaram que a polícia estava a realizar uma “operação de envergadura” no edifício do gigante francês de jogos de vídeo e falaram numa eventual tomada de reféns.

A polícia de Montreal confirmou, através do Twitter, que estava a decorrer uma operação nos arredores da Ubisoft e pediu à população para "evitar aquele setor”, mas advertiu desde logo que todas as informações estavam “por confirmar”.

Cerca de 4.000 pessoas trabalham normalmente no estúdio da Ubisoft, em Montreal, mas uma grande parte está atualmente em teletrabalho devido à pandemia de covid-19.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.