O Terço Comemorativo do Centenário das Aparições de Fátima nasceu de uma parceria entre a ACISO – Associação Empresarial Ourém-Fátima, o Santuário de Fátima — que elaborou os textos e fez a seleção de imagens que o acompanham —  e a Imprensa Nacional – Casa da Moeda, contando ainda com colaboração da jovem fatimense, Kátia Silva, no design do produto, e com o grafismo do atelier Silvadesigners.

"A produção dos Terços foi feita manualmente e com recurso aos métodos tradicionais, devidamente enquadrada por fabricantes locais. Cada peça é numerada, embalada em caixa própria, acompanhada de um livro explicativo, em sete idiomas, e com Selo de Certificação emitido pela Imprensa Nacional — Casa da Moeda", explica a ACISO ao SAPO24.

Mais do que assinalar o Centenário, o produto — que numa primeira edição teve 50.000 exemplares, que rapidamente esgotaram — pretendia também ter uma vertente solidária. "Ontem, dia 30 de outubro, decorreu a cerimónia de inauguração da Lavandaria Social do CRIF — Centro de Recuperação e Integração de Fátima, sendo esta a primeira fase da obra do Lar Residencial, beneficiário da componente solidária do Terço Comemorativo do Centenário das Aparições", foi referido.

Até este momento, "a componente solidária angariada com a comercialização do Terço cifra-se já em 598.636€. Para esta primeira fase da obra foram já entregues ao CRIF, para os trabalhos de construção, 195.577€, dos quais 25.850€ foram para os projetos. Encontra-se ainda disponível o valor de 394.058€ para a construção da segunda fase desta obra".

O Terço em questão "está à venda desde 16 de junho 2016, nos estabelecimentos de artigos religiosos sediados em Fátima, para o público em geral", e também nas cinco fábricas aderentes — Artesacris- Artigos Religiosos de Fátima, SA; Farportugal – Indústria de Artigos Religiosos, Lda; José de Almeida Pereira; Manuel Reis Pereira – Unipessoal, Lda e Pereira, Silva e Reis, Lda —, no caso de se tratar de compra para revenda. "A partir daí é distribuído para todo o país e para todo o mundo, especialmente para Igrejas evocativas a Nossa Senhora de Fátima ou para territórios com forte instalação de comunidades portuguesas emigrantes", frisa a ACISO.

Para o público, cada unidade tem o preço de 12€, sendo que 1€ reverte "a favor do Centro de Reabilitação e Integração de Fátima, para a construção de um Lar Residencial para adultos com deficiência e cujas famílias se demonstram já incapazes de prestar o necessário acompanhamento".

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.