"Falou-se de ameaça de bomba a bordo, mas o voo acabou por sair às 20:00 horas", disse a fonte, sendo que se tratou de um falso alarme.

O avião ficou retido na pista e os cerca de 40 passageiros abandonaram o aparelho, enquanto as autoridades policiais e aeroportuárias tomavam conta da ocorrência.

Mais tarde, procedeu-se a novo embarque e o avião efetuou o voo rumo ao Aeroporto Internacional da Madeira.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.