Até ao momento, segundo a organização, inscreveram-se para o evento a decorrer em novembro, em Lisboa, 7.244 britânicos, seguindo-se na lista 4.040 alemães e 3.927 irlandeses.

Entre os países com um representante estão nomeadamente a Antártica, Haiti, Seychelles, Senegal e Porto Rico, enquanto com dois participantes inscritos estão, por exemplo, Camboja, Gabão, Coreia do Norte, Mongólia ou Suriname.

Sem números ainda sobre participantes do país anfitrião, o fundador e CEO da Web Summit, Paddy Cosgrave, afirmou à agência Lusa que “o número de portugueses está a aumentar rapidamente e, em breve, vão ser divulgados pormenores”.

Perante a lista de participantes que literalmente provém de todos os cantos do mundo, o irlandês admitiu a “completa surpresa” pelo número de países representados.

“Tem aumentado de ano para ano e estamos a cobrir quase inteiramente o globo”, notou à Lusa.

Sobre os seus compatriotas habituados até ao ano passado a terem a Web Summit em ‘casa’, ou seja em Dublin, Paddy Cosgrave já comentou “ser ótimo que mais de três mil participantes irlandeses façam a sua viagem até Lisboa”.

“Até agora os participantes irlandeses experienciaram sobretudo a Web Summit como um evento, no qual à noite iam para casa. A Web Summit em Lisboa, longe de casa, vai ser muito diferente para eles”, acrescentou.

De fora do continente europeu, os Estados Unidos são os primeiros a surgir no ‘top’ das nacionalidades, ao ocuparem o 4.º lugar com 3.643, seguindo-se Canadá (14º, com 883 participantes) e a Índia (15.º, com 686).

Na lista surge ainda o Brasil na 16.ª posição (606 inscritos), enquanto Moçambique tem atualmente 25 participantes, Angola tem 23, Cabo Verde conta com quatro e São Tomé e Príncipe registou um participante.

A Web Summit é uma conferência global de tecnologia, inovação e empreendedorismo que decorrerá este ano em Lisboa (e nos dois anos seguintes, com possibilidade de mais dois anos), onde são aguardados mais de 50.000 participantes, de mais de 150 países, incluindo mais de 20.000 empresas, 7.000 presidentes executivos, 700 investidores e 2.000 jornalistas internacionais.

Entre os oradores, estarão os fundadores e presidentes executivos das maiores empresas de tecnologia, bem como importantes personalidades das áreas de desporto, moda e música.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.