O carro de Zhou foi ‘varrido’ pelo monolugar de George Russell (Mercedes), depois de um toque no de Pierre Gasly (Toro Rosso), capotando e derrapando de forma invertida até embater na barreira que separa a pista da bancada, levando à mostragem da bandeira vermelha, na sequência do incidente que atingiu ainda Alexander Albon (Williams).

Na altura, o neerlandês Max Verstappen (Red Bull), líder do campeonato e campeão em título, já tinha assumido a liderança, ultrapassando o espanhol Carlos Sainz (Ferrari), que partiu, pela primeira vez na carreira, da ‘pole position’.

“Os dois pilotos estão conscientes [Albon e Zhou] e vão ser avaliados no centro médico. Mais informação vai ser dada a seu tempo”, explicou a FIA.

O diretor da Alfa Romeo assegurou que Zhou estava consciente e colaborante, tendo sido transportado para o centro médico do circuito de Silverstone, enquanto a Williams deu conta do transporte por helicóptero de Albon para o hospital de Coventry.

A corrida vai ser reatada com nova partida, às 16:00.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.