De acordo com a polícia local, o adepto foi atingido por uma bala no tórax no exterior do estádio São Januário, casa do Vasco da Gama, tendo falecido antes da chegada ao hospital.

A polícia brasileira não precisou qual a origem da bala, tendo indicado que dois outros adeptos foram feridos por balas nas pernas e um outro por estilhaços de vidro.

Após o final da partida da 12.ᵃ jornada, que o Flamengo venceu por 1-0, com um golo apontado aos 64 minutos por Éverton da Silva, adeptos do Vasco da Gama começaram a lançar objetos para o relvado, incluindo engenhos explosivos artesanais.

A polícia tentou dispersar os adeptos lançando gás lacrimogéneo e granadas de atordoamento para as bancadas, provocando cenas de pânico, numa altura em que muitas crianças ainda se encontravam no interior do recinto.

Os jogadores das duas equipas tiveram de aguardar uns vinte minutos antes de puderem descer aos balneários sob proteção policial.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.