Esta notícia surge numa altura que o jovem médio, de 20 anos, tinha pouco espaço no plantel do clube, algo ainda mais acentuado com a chegada do ex-Lyon, Corentin Tolisso. De acordo com o MaisFutebol, este empréstimo não visa uma cláusula com opção de compra.

Segundo o portal desportivo, que cita a notícia da "Kicker", esta decisão acontece porque a estrutura liderada por Karl-Heinz Rummenigge acredita que o português precisa de sair e jogar regularmente, algo que não iria acontecer em Munique.

"Queríamos que Renato fosse para um clube em que pudesse jogar a alto nível" informou o dirigente alemão. "Agora, tem de acelerar a toda a velocidade no futuro", explicou.

Esta saída para o Swansea não acontece por acaso, pois Paul Clement, atual técnico dos 'Cisnes', foi adjunto de Carlo Ancelotti no Chelsea, PSG, Real Madrid e no Bayern de Munique.

Os galeses vão pagar 8,5 milhões de euros pelo empréstimo — sem opção de compra — de Renato Sanches.

O Swansea ocupa a 13ª posição da Premier League, com 4 pontos, decorridas três jornadas.

Renato Sanches, membro da seleção portuguesa que há um ano venceu o Euro2016 em França, foi transferido do Benfica para o campeão alemão no verão passado, mas cumpriu apenas 25 jogos, a maioria saído do banco de suplentes, durante a campanha 2016/17, em que venceu a liga alemã.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.