Espanha

Segundo a imprensa espanhola, o Real Madrid, atual tricampeão da Liga dos Campeões e recém-vencedor do Mundial de Clubes, tem praticamente selada a chegada do argentino Exequiel Palacios, jovem médio do River Plate. Para além disso, assinala-se ainda com otimismo o interesse noutra promessa, Brahim Díaz, cujo contrato com o Manchester City acaba a meio do ano de 2019. Há ainda rumores de que Nabil Fekir, extremo do Lyon, tenha sido oferecido aos "merengues".

Por outro lado, quem parece estar de saída de Madrid é Isco. E se é quase certo que tal aconteceça no próximo verão, a verdade é que pode haver uma surpresa já em janeiro. O craque parece cada vez mais descontente no clube "blanco" e são vários os emblemas interessados em adquirir o seu passe: Manchester City, Juventus (apostando numa troca por Sami Khedira e Miralem Pjanić), Chelsea (num negócio que envolveria ficar com o espanhol e Kovacic por Eden Hazard) e Arsenal.

No Barcelona, a dúvida é se o clube irá contratar Adrien Rabiot, médio-centro do PSG que se negou a renovar o contrato com o clube francês, ou se vai conseguir convencer Frenkie de Jong, uma das jovens estrelas de incalculável potencial do Ajax, a assinar. "Não se pode confirmar nada", disse o Barça à AFP.

Mas é na defesa que os catalães estão mais necessitados, após as lesões de Thomas Vermaelen e Samuel Umtiti. O empréstimo do colombiano do Valencia, Jeison Murillo, já é oficial e o nome do dinamarquês Andreas Christensen, do Chelsea, também ganha força para se juntar a Messi e companhia.

Outro jogador na mira dos "blaugrana", assim como do Valência, é Agustin Almendra, jovem prodígio de 18 anos que ocupa um lugar no meio-campo do Boca Juniores.

Inglaterra

No Manchester United, a demissão de José Mourinho, em colisão com estrelas da equipa como Paul Pogba, Anthony Martial ou Alexis Sánchez, obrigou a uma mudança de planos, crendo os dirigentes que estes jogadores podem exibir-se em melhor forma sob as ordens do treinador interino, Ole Gunnar Solskjaer. Segundo a imprensa, os responsáveis do clube de Old Trafford avisaram o norueguês que este pode atacar o mercado de inverno, mas só através de negócios por empréstimo.

Na casa do vizinho Manchester City, o nome mais falado para reforçar o meio de campo é o do médio do Lyon Houssem Aouar, que impressionou Pep Guardiola nos confrontos entre os dois clubes durante a fase de grupos da Liga dos Campeões.

A 50 quilómetros de distância da cidade de Manchester, Jurgen Klopp já veio a público dizer que o seu Liverpool quer investir nesta janela de transferências. Recorde-se que os "reds" não têm tido pejo em gastar dinheiro na quadra natalícia: no ano passado, desembolsaram um valor recorde de aproximadamente 83 milhões de euros no defesa Virgil van Dijk.

No Arsenal, a relação entre o técnico Unai Emery e o médio ofensivo alemão Mesut Özil parece piorar a cada dia. O Inter de Milão, o Real Madrid e um surpreendente Istanbul Basaksehir parecem dispostos a tentar um contacto pelo jogador, mas o seu salário, um dos mais altos da Premier League, é um grande empecilho para qualquer negociação. Em sentido contrário, os "gunners" andam a sondar Nicolas Pepe, extremo costa-marfinense do Lille, mas os "dogues" já apresentaram um preço proibitivo pelo seu talento: 80 milhões de euros.

Também em Londres, no Chelsea, esperam-se novidades no ataque, com a possível saída de Álvaro Morata. Os Blues estariam interessados em Callum Wilson, do Bournemouth, que teve as suas boas atuações recompensadas com a estreia na seleção inglesa. Outra hipótese que fez correr muita tinta, apesar de já ter sido desmentida pelo técnico Mauricio Sarri, foi a da chegada de Gonzalo Higuain, goleador do AC Milan que este ano se está a apresentar uns furos abaixo do seu nível habitual e que poderia ser trocado pelo avançado espanhol.

Existem ainda rumores que ligam o Chelsea a Christian Pulisic, extremo norte-americano do Borussia Dortmund que perdeu o lugar para uma das grandes sensações deste ano, Jadon Sancho.

França

A margem de manobra será bem mais limitada para o PSG, na mira da UEFA por desrespeito ao fair-play financeiro. Apesar das restrições, o clube quer um substituto para Rabiot, afastado do elenco. Desde a reforma de Thiago Motta no final da temporada passada, os parisienses procuram por um jogador que se possa revezar com Marco Verratti, sobrecarregado como cão-de-guarda da defesa e responsável por iniciar a saída de bola do equipa. Para a função, o clube parisiense também tem monitorizado a situação de Frenkie de Jong, assim como de Abdoulaye Doucoure, francês a militar nos ingleses do Watford.

Mais a sul, o Olympique de Marselha pode procurar atrair o lateral espanhol Alberto Moreno, pouco utilizado no Liverpool, mas sofre a concorrência do clube que revelou o jogador, o Sevilla.

Itália

A priori, os clubes mais ativos serão os que atravessam momentos mais complicados dentro de campo. Assim, a Roma estaria aberta a emprestar o checo Patrik Schick para trazer um atacante mais experiente como Michy Batshuayi (Chelsea, emprestado ao Valencia), Dawid Kownacki (Sampdoria) ou o colombiano do Sevilla, Luis Muriel. Outro negócio falado é por Patrick van Aanholt, lateral holandês do Crystal Palace, numa transferência que poderia chegar aos 27 milhões de euros.

Para reforçar o seu meio-campo, o Milan pensa em Cesc Fábregas, com poucos minutos no Chelsea, ao passo que o Inter continua a sonhar com Luka Modric, embora o croata do Real Madrid, eleito o melhor jogador do mundo na temporada, pareça ser um sonho distante.

A Juventus está a estudar a hipótese de trazer Matthijs De Ligt (Ajax), Pogba e Rabiot para Turim, assim como adquirir o passe de Francisco Trincão, extremo talentoso do Sporting de Braga, por 15 milhões de euros, valor da cláusula de rescisão, aumentando assim o contingente português no clube. Contudo, como a atual heptacampeã da Serie A segue invicta e isolada no primeiro lugar do campeonato, estas transferências devem ser deixadas para depois do fim da temporada.

O Nápoles, atualmente em segundo lugar e a precisar de mais armas para visar o topo da liga, seria um potencial comprador nesta janela, mas Carlo Ancelotti, o treinador dos napolitanos, já veio refrear os ânimos, principalmente quanto a rumores que ligam o clube do sul de Itália ao lateral campeão do mundo pela França, Benjamin Pavard (Estugarda).

Já a maior revelação da Série A, o polaco Krzysztof Piatek, atual artilheiro do Calcio, certamente terá vários pretendentes, mas não deve deixar o Génova no meio da temporada. Outros jovens talentos, como Nicolo Barella (Cagliari), Sandro Tonali (Brescia/Serie B), Christian Kouamé (Genoa) também têm sido cobiçados pelos grandes clubes do país.

Alemanha

O presidente do Bayern de Munique, Uli Hoeness, desencadeou uma onda de rumores ao anunciar que há muitos jogadores de saída do clube e que uma renovação do elenco será feita para a próxima temporada.

A imprensa alemã tem alimentado rumores de uma possível transferência de Lucas Hernández (Atlético de Madrid) para o Bayern, que estaria disposto a pagar clausula de rescisão do francês no valor de 80 milhões de euros. "Se acharmos que podemos reforçar a equipa, assim o faremos", declarou o técnico dos bávaros, Niko Kovac.

Pavard e Timo Werner, atacante da seleção alemã, também estão na mira do gigante bávaro. O primeiro, porém, prometeu terminar a temporada no Estugarda, enquanto que o avançado do RB Leipzig afirmou não ter pressa para encontrar um novo clube. Callum Hudson-Odoi, médio do Chelsea, também está a ser considerado, havendo contudo a concorrência do Borussia Dortmund para obter os préstimos da pérola dos Blues.

Quem tem o futuro ensombrado de dúvida é Franck Ribery. O extremo francês de 35 anos, que marcou recentemente dois golos contra o Eintracht Frankfurt, sendo o jogador mais velho de sempre do Bayern de Munique a fazê-lo, tem em cima da mesa a hipótese de renovar com o clube por mais uma época - o seu contrato acaba neste verão -, mas o Galatasaray poderá estar interessado em fazer o jogador voltar à Turquia em janeiro.

Nota ainda para o interesse do Borussia num jogador do seu congénere de Mönchengladbach, Thorgan Hazard, irmão de Eden, que tem estado em destaque nesta edição da Bundesliga. O negócio, contudo, só deverá ter seguimento se Pulisic rumar para Inglaterra.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.