António Costa falava no fecho da sessão de abertura de uma conferência empresarial Marrocos-Portugal em Rabat e esta referência em tom diplomático ao Campeonato do Mundo de Futebol da Rússia, entre junho e julho de 2018, motivou palmas entre a assistência marroquina.

Portugal e Marrocos estão no mesmo grupo de qualificação e para ambas seguirem para os oitavos de final da competição têm de eliminar a Espanha e o Irão, treinado pelo português Carlos Queiroz.

O jogo entre Portugal e Marrocos, que terá lugar no dia 20 de junho, em Moscovo, tem sido tema constante das conversas informais à margem da 13ª Cimeira Luso-Marroquina, que termina hoje em Rabat.

O primeiro-ministro português não fugiu a este tema perante cerca de duas centenas de empresários portugueses e marroquinos e manifestou-se otimista num percurso vitorioso das seleções de Portugal e de Marrocos "até à final" do Campeonato do Mundo de Futebol no dia 15 de julho.

"Penso mesmo que Portugal e Marrocos têm até uma excelente oportunidade para cooperar no futebol, trabalhando para eliminar os outros competidores no Campeonato do Mundo de Futebol e continuarem rumo à final de 15 de julho", disse.

Já antes o presidente da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP), Luís Castro Henriques, tinha feito uma referência ao Campeonato do Mundo de Futebol.

"Estou certo que a solidez das relações económicas entre Portugal e Marrocos vai resistir ao dia 20 de junho" de 2018, declarou, numa alusão ao jogo entre as duas seleções.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.