“Dybala foi submetido à pertinente dupla verificação do coronavírus Covid-19. Os testes foram negativos. Portanto, o jogador está curado e não está mais sujeito a isolamento em casa”, noticiou a ‘vecchia signora’.

O colega de Cristiano Ronaldo nos campeões transalpinos testou positivo a 21 de março e era um dos três jogadores contagiados da Juventus, a par do francês Blaise Matuidi e do italiano Daniele Rugani, que também já estão recuperados.

O atleta argentino admitiu que sofria de fortes sintomas no início da doença, com dores nos músculos e na cabeça, mas disse que se sente bem há várias semanas, pelo que estava somente a aguardar a certificação da sua recuperação.

Dybala, que esteve estas semanas em casa, em Turim, com a namorada Oriana Sabatini, pode agora começar a treinar individualmente, como ditam as atuais regras sanitárias em Itália, no centro desportivo do clube.

Depois de Estados Unidos e Inglaterra, a Itália é o terceiro país do mundo com mais mortes, 29.315, tendo ainda mais de 213 mil casos de infetados.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 257 mil mortos e infetou quase 3,7 milhões de pessoas em 195 países e territórios.

Mais de um 1,1 milhões de doentes foram considerados curados.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.