O médio chileno Arturo Vidal foi o autor do único golo do encontro, aos 15 minutos, com remate à meia-volta, que bateu no poste direito e entrou.

Nélson Semedo atuou o jogo todo, que os catalães dominaram no primeiro tempo, não conseguindo evitar um ímpeto mais ofensivo do rival na etapa complementar, na qual o resultado esteve incerto até ao fim, valendo a exibição do guarda-redes Ter Stegen.

O Barcelona soma agora 79 pontos, a um do Real Madrid, que segunda-feira visita o Granada, que está a somente um ponto do lugar que vale a presença na Liga Europa.

O Valladolid continua com 39 pontos, sete acima da última equipa que desce, o Maiorca, com menos um jogo.

O Celta de Vigo esteve na frente na visita ao Osasuna, com golo de Santi Mina aos 10 minutos, a fugir nas costas do defesa e desviar à entrada da pequena área.

O empate surgiu em ‘voo’ de cabeça de Enric Gallego, aos 23 minutos, e a reviravolta surgiu já no tempo extra, aos 90+1, em desvio feliz de cabeça de José Arnáiz, de costas para a baliza.

O Osasuna igualou, provisoriamente, o Athletic Bilbau no 10.º lugar, com 48 pontos, enquanto o Celta de Vigo é 16.º com 36, somente quatro pontos acima da ‘linha de água’, tendo este jogo a mais.

Ainda hoje o Atlético de Madrid recebe o Bétis.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.