A jogar em superioridade numérica desde os sete minutos, após a expulsão de Lucas Áfrico, os campeões portugueses marcaram por Alex Telles, aos 57, de grande penalidade, por Éder Militão, aos 72, e por Brahimi, aos 88.

Com este triunfo, o FC Porto passou a somar 63 pontos, mais três do que o Benfica, cinco do que o Sporting de Braga e oito do que o Sporting, enquanto o Marítimo é 11.º classificado, com 27 pontos, três acima da zona de despromoção.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.