“Esta é uma parceria muito interessante entre duas marcas britânicas icónicas que operam a nível global e são dominantes nas respetivas áreas”, afirmou em comunicado o diretor de marketing do Financial Times, David Buttle.

A dirigente da equipa da Williams da Fórmula 1, Claire Williams, saudou, por seu turno, a oportunidade de se desenvolver “novas formas de Media e digital”.

A Williams, uma das equipas mais bem-sucedidas da história da Fórmula 1, está a passar por um momento difícil com os seus carros a serem relegados para o fim do pelotão.

O seu principal patrocinador é a empresa de telecomunicações RokIt.

O Financial Times, controlado pelo grupo japonês Nikkei, não é o único meio de comunicação social patrocinador da Fórmula 1, uma vez que a equipa da McLaren também tem um acordo com o canal de televisão económico norte-americano CNBC (grupo Comcast), sendo a própria Fórmula 1 dirigida pelo grupo norte-americano Liberty Media.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.