Thomas, que partia para a quinta e última etapa na segunda posição, com 11 segundos de desvantagem para o líder, o canadiano Michael Woods (Israel Start-Up Nation), concluiu a prova com 28 sobre o australiano Richie Porte, seu companheiro de equipa, segundo da geral.

O francês Remo Cavagna (Deceunick) venceu a tirada, concluindo os 16,19 quilómetros do contrarrelógio em 21.54 minutos, a uma média de 44,35 km/hora, com seis segundos sobre o suíço Stefan Bissegger (EF Education — Nippo) e 17 em relação a Geraint Thomas, segundo e terceiro classificados, respetivamente.

O português Rui Costa manteve a 13.ª posição da geral, a 4.01 minutos de Geraint Thomas, que totalizou 17:59.57 horas, depois de ter concluído o contrarrelógio no 43.º lugar, a 1.25 minutos do vencedor.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.