Tzu-Chi Lin foi suspensa por dois anos pelo Comité Olímpico do Taiwan, após ter acusado o consumo de esteróides num controlo antidoping realizado em junho de 2016, já depois de uma primeira suspensão por doping, em 2010, por dois anos.

A Agência Mundial de Antidopagem (AMA) recorreu da decisão do organismo olímpico de Taiwan em junho de 2018, por entender que, tratando-se da segunda infração, o castigo deveria ser de oito anos, o que foi agora confirmado pelo TAS.

Tzu-Chi Lin, de 30 anos, já deteve o recorde mundial na categoria de -63 kg, em 2014, e todos os resultados obtidos pela atleta desde 24 de junho de 2016 serão anulados, o que implica a perda de pontos, medalhas e prémios.

O halterofilismo é um desporto cujo objetivo é levantar a maior quantidade de peso possível, do chão até sobre a cabeça.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.