Foi uma montanha russa de emoções para ingleses e croatas e no final Inglaterra regressou a casa. Mas sem raiva, até porque as expetativas para este Mundial estavam longe de ser elevadas. Prova disso foi a forma como vários adeptos ingleses presentes no estádio Luzhniki, em Moscovo, onde decorreu o jogo desta quarta-feira à noite frente à Croácia se despediram do Mundial: cantando. O tema escolhido foi um dos maiores êxitos da banda britânica Oasis, "Don't look back in anger" e o ex-futebolista inglês, Gary Lineker filmou e partilhou o momento na sua conta de Twitter.

"Profundamente em choque, mas esta nova geração deu absolutamente tudo. É um enorme passo em frente e só irá ficar melhor no futuro. Podem manter a cabeça erguida, deixaram o nosso país orgulhoso. Parabéns à Croácia", escreveu Lineker noutro tweet.

Sendo um êxito da banda inglesa, a música "Don't look back in anger" ganhou também um valor simbólico enquanto símbolo de força e carácter na sequência do ataque, em 2017, no concerto de Ariana Grande em Manchester que matou 22 pessoas e deixou centenas feridas.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.