A dupla assegurou na sexta-feira uma vaga para Portugal no trampolim, que hoje Diogo Abreu conquistou ao ser sexto na final individual, com 56,805 pontos, bem acima do oitavo classificado Pedro Ferreira (17,895).

Diogo Abreu, 16.º no Rio2016, e Pedro Ferreira, ambos do Sporting, tinham garantido o acesso à final de hoje depois de terem sido, respetivamente, sexto e nono na qualificação, com 111.395 e 109.720 pontos.

Os dois ginastas competiram ainda na final de trampolim sincronizado, terminando no sétimo posto.

A presença na competição de trampolins em Tóquio2020 aumenta a representação lusa na modalidade, depois de assegurado o apuramento de Filipa Martins, em ginástica artística.

O melhor resultado português nas competições de trampolins em Jogos Olímpicos foi alcançada por Nuno Merino, em Atenas2004, com o sexto lugar.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.