Após uma primeira época (2017-18) desastrosa, em que a equipa acabou no décimo terceiro lugar, a prioridade passou a ser a contração de um treinador de nível mundial, e assim foi. Marcelo “El Loco” Bielsa foi o escolhido para poder elevar o estatuto imediato do Leeds e poder dar asas ao sonho do investidos inglês e da massa adepta que há tanto espera por novos dias de glória. O treinador argentino que, desde então, conquistou proprietários, jogadores e adeptos, não só com a sua personalidade, mas principalmente com a sua competência, tem vindo a elevar de novo o nome do Leeds e de forma rápida e eficiente, devolvendo a esperança aos Pavões (alcunha pela qual é conhecido o Leeds United).

"Acho Que Vais Gostar Disto" é uma rubrica do SAPO24 em que sugerimos o que ver, ler e ouvir.

Para ter estas sugestões confortavelmente no e-mail, basta subscrever a rubrica em formato newsletter através deste link.

Levem-nos de volta a casa

É este o título do documentário, produzido pela Eleven Sports Network — plataforma internacional de conteúdo desportivo fundada pelo mesmo Andrea Radrizzani —, que mostra o resumo da época 2018-19 do Leeds United. Depois de há duas semanas termos dado algumas sugestões de visionamento em tempo de quarentena, hoje é a vez de uma fantástica produção de seis episódios, que nos presenteia com todas as emoções e peripécias de uma época, no mínimo, atribulada.

Com a chegada de Marcelo Bielsa, as expectativas foram cumpridas e o Leeds lutou até à última pela subida de divisão. Com mais ou menos sorte à mistura, a equipa não conseguiu a promoção automática, acabando por não conseguir também vencer o playoff pela última vaga de acesso à Premier League. Acompanhando vários adeptos e tendo acesso a imagens inéditas da época do Leeds, este é um documentário a não perder.

Disponível na plataforma Eleven Sports, e aproveitando o facto de a subscrição do canal ser gratuita até ao final do mês de maio, não há razões para perder mais um apaixonado documentário desportivo.

Uma vez que não seria de bom tom adiantar muito mais sobre o que se passa no documentário, e visto o Leeds estar, na presente época, em primeiro lugar, sendo o favorito, juntamente com o West Bromwich Albion à promoção direta à Premier League, decidimos destacar dois dos mais importantes jogadores a contribuirem para tão boa época.

Seriam vários os jogadores do Leeds a quem poderíamos dar destaque, principalmente tendo em vista as excelentes duas últimas épocas realizadas pelos Pavões, ainda assim dois deles saltam claramente à vista.

Ben White

Tendo começado a época com apenas 21 anos, o jovem defesa central inglês é já uma das grandes promessas do futebol em Inglaterra. Desde já, White é o único jogador do Leeds a completar todos os minutos jogados esta época. Um feito incrível para um jogador tão jovem numa liga fisicamente mais dura, em vários aspetos, que a Premier League. Sendo parte integral da melhor defesa da Championship, com 14 jogos sem sofrer qualquer golo, o defesa é um dos maiores valores de Marcelo Bielsa e uma das principais razões para a equipa estar no primeiro lugar do campeonato. Pertencendo Ben White ao Brighton & Hove Albion, estando apenas no Leeds por empréstimo, o interesse que tem despontado é enorme, levando a crer que nem no seu clube de origem ficará na época que se segue. Sondado pelo Manchester City — tal tem sido a época realizada pelo defesa central —, Manchester United, Chelsea, Liverpool e Leicester, será muito difícil não ser resgatado por um deles, mesmo que, ainda com 22 anos de idade, se mantenha emprestado. Um jogador que seguiremos com atenção no período de transferências.

Kalvin Phillips

Phillips juntou-se ao Leeds com apenas 15 anos de idade. Agora com 24 e passadas duas época às ordens de Bielsa, este tem desenvolvido uma consistência no seu jogo que lhe tem valido a alcunha de ‘Pirlo de Yorkshire’. Para se jogar no meio campo de qualquer equipa de Bielsa é preciso ter-se capacidade física, técnica e mental. Poder-se-á dizer, e com razão, que esses são atributos necessários em qualquer posição, sob qualquer treinador, no futebol moderno, correto. Mas sob a batuta de Bielsa o futebol tem características especiais que só grandes jogadores, principalmente na zona central da defesa, meio campo e laterais, conseguem desempenhar. As incursões de pressão alta são constantes, o risco e a iniciativa individual está sempre presente e os momentos de transição e, muitas vezes, de insegurança, são uma constante nos sistemas táticos de El Loco. Phillips tem sido o porto de abrigo do Leeds e um valor incalculável nesta caminhada rumo à Premier League. Assim como Ben White, este é já visto como um reforço a conseguir segurar o mais depressa possível por alguns clubes da Premier League e, surpreenda-se ou não, o Liverpool poderá mesmo ser um destino provável para o jovem inglês. Com mais de 60 passes efetuados por jogo e com 5,5 passes longos completos por jogo, o valor mais elevado em toda a Championship, Kelvin Phillips é o protótipo perfeito do jogador moderno, cabendo que nem uma luva numa equipa de topo mundial. Outro jogador a acompanhar com muita atenção no mercado de transferências.

Em notícias relacionadas com o Leeds, ficou-se a saber na quinta-feira que o clube decidiu dar o nome da bancada sul a um ex-jogador do clube que, infelizmente, foi vítima do trágico Covid-19. Norman Hunter de seu nome, fez parte do período mais importante da história do Leeds. Conquistando três títulos da First Division (liga de topo do futebol inglês da altura) uma League Cup e uma FA Cup, o lendário defesa jogou mais de 14 anos ao serviço do Leeds, entre 1962 e 1976, realizando 726 jogos com as cores do Leeds United.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.