O adiamento foi benéfico para a preparação ou foi mais um momento de ansiedade?

Para mim não alterou muito. O importante é que os Jogos se vão realizar, e agora de uma maneira mais segura.

Beneficiou com o adiamento ou está nos Jogos devido a esse facto?

Não.

BI Olímpico

Marcos Freitas

Modalidade: Ténis de mesa

Idade: 33 anos

Naturalidade: Câmara de Lobos, Madeira

Clube: Fakel Gazprom Orenbrug

Treinador: Kong Guoping

Participações: Tóquio será a quarta participação olímpica do atleta madeirense, depois de Pequim 2008, Londres 2012 e Rio 2016.

Factos & Curiosidades: A nível olímpico, o mesatenista esquerdino apresenta dois 5º lugares, um, por equipas, em Londres, e outro individual, no Rio de Janeiro.

Medalha de bronze no torneio de singulares do Europeu de ténis de mesa, prova disputada em junho, foi campeão europeu de equipas (João Monteiro, Diogo Chen, Tiago Apolónia e João Geraldo), vice-campeão da Europa (2016), chegou a ser nº 7 do mundo. Hoje, ocupa o 24.º lugar no ranking mundial', a 4.ª posição no ranking Europeu e o 1.º lugar no ranking nacional.

Há quanto tempo está a preparar os JO?

Há cerca de 6 meses.

Ao longo deste ciclo Olímpico, quando é que pensou: este é momento do “tudo ou nada”?

Agora, porque estamos muito perto do início da competição.

Qual o pior momento na preparação?

Não ter mais jogos e competições e também as dificuldades em viajar.

Que preparação específica foi feita? (Por exemplo, vai alterar os ciclos de sono antecipadamente face à diferença horária?)

Chego a Tóquio oito dias antes de competir, por isso não é necessário. A preparação é normal, com muito treino e recuperação.

Qual a maior dificuldade que espera encontrar em Tóquio?

Os meus adversários.

Qual a coisa mais inusitada que leva na bagagem para o Japão?

Bolo de mel da Madeira.

Quais são os objetivos em termos de resultados/marcas?

Fazer uma boa prova e chegar o mais longe possível.

O que é um bom resultado olímpico para Portugal?

É difícil de falar em objetivos porque ainda não houve sorteio e não sabemos os nossos adversários.

Qual a primeira memória que tem dos Jogos Olímpicos?

Lembro-me de entrar na aldeia olímpica pela primeira vez e de me cruzar com outros grandes atletas mundialmente conhecidos.

Quem é o melhor atleta olímpico de sempre na sua modalidade?

Penso que é o Ma Long.

Se ganhar uma medalha, a quem a vai dedicar?

À minha Mãe.

__________

Memórias, objetivos e até uma pandemia. Rumo aos Jogos Olímpicos, que se realizam de 23 de julho a 8 de agosto em Tóquio, no Japão, desafiámos alguns dos nossos atletas a responder a um Questionário Olímpico.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.