"O Club Sport Marítimo manifesta o seu mais profundo pesar pela tragédia acontecida esta terça-feira no Monte. Às famílias das vítimas, o C.S. Marítimo endereça as mais sentidas condolências", anunciou o clube madeirense, em comunicado no sítio oficial na Internet.

A queda de uma árvore de grande porte no Largo da Fonte, na freguesia do Monte, durante a festa em honra da padroeira da Madeira, provocou, segundo várias fontes não oficiais, mais de uma dezena de mortos, entre os quais duas crianças e um número superior a 30 feridos.

O incidente ocorreu cerca das 12:00, num local onde se concentram muitas pessoas para participar naquele que é considerado o maior arraial da Madeira, momentos antes de sair a procissão que foi cancelada.

No local estão os responsáveis de várias entidades governamentais, religiosas e militares, entre as quais o presidente do Governo Regional, Miguel Albuquerque, o secretário da Saúde, Pedro Ramos, que tutela a Proteção Civil Regional, o responsável da Câmara Municipal do Funchal, Paulo Cafôfo, e o bispo do Funchal.

Fontes no local referem que a árvore estava amarrada há dois anos e o tronco estava oco.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.