Selby, de 33 anos, chegou a estar a perder por 10-4, mas conseguiu recuperar até reclamar a vitória no final da competição, a que corresponde um prémio de 375 mil libras (cerca de 443 mil euros).

Trata-se da terceira vez nos últimos quatro anos que o inglês conquista o troféu mais importante do snooker mundial – em 2016 derrotou o chinês Ding Junhui -, tornando-se o quatro jogador a revalidar o título mundial, depois do escocês Stephen Hendry e dos ingleses Steve Davis e Ronnie O´Sullivan.

“Alcançar três títulos mundiais é inacreditável e ser um de apenas quatro jogadores a revalidar o título é algo que só podia sonhar”, comentou Selby no final da partida.

John Higgins, de 41 anos, quatro vezes campeão, uma das quais frente a Selby, em 2007, jogava a sua primeira final em seis anos.

Apesar da derrota, Higgins alcança o segundo lugar no ‘ranking’ mundial, atrás do seu adversário de hoje.

[Notícia atualizada às 12h37. Corrige o ano da final de Higgins frente a Selby]

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.