O polícia da Marinha, de 34 anos, vai tentar tornar-se no primeiro português a terminar uma prova destas, depois de, em agosto de 2016, já ter sido o primeiro a concluir um duplo ‘ironman’.

Na altura, Miguel Carneiro cumpriu o ‘super triatlo’ World Championship Double Ultra Triathlon em Panevezys, na Lituânia, de 7,6 quilómetros de natação, 360 de ciclismo e 84,4 de corrida, em 27:28.25 horas.

“Os treinos mais longos e os mais específicos correram todos bem, apesar de algumas limitações por causa do trabalho. Sinto-me preparado, sobretudo psicologicamente. Estou motivado, tenho tido muito apoio e isso faz uma grande diferença”, frisou o triatleta, em declarações à agência Lusa.

Além dos 678 quilómetros da competição, Miguel Carneiro enfrentou alguma ansiedade com a logística inerente à sua participação, como o transporte dos equipamentos e as suas deslocações.

“O que está feito, está feito, agora é ver como a prova corre. Estou com alguma apreensão em relação às distâncias, que nunca cumpri nenhuma, com o facto de a natação ser em piscina e com a necessidade de competir à noite, quando se sente mais sono e cansaço”, explicou o algarvio, residente em Almada.

Este desconhecimento de “como o corpo vai reagir às distâncias”, obriga à cautela de Miguel Carneiro: “Nestas provas, qualquer coisinha muda tudo. Quero dar o meu melhor, tentar menos de dois dias, que é um bocado acima do que espero, mas vou guardar essa meta para mim.”

“Foi um objetivo que estabeleci, nunca hesitei desde que decidi participar. Vai valer a pena, vale sempre a pena, mesmo que não o consiga alcançar, neste caso negativamente”, rematou, na véspera de ser um dos 35 no mundo a iniciar este desafio.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.