Glik lesionou-se durante um treino da seleção polaca em Arlamow, na segunda-feira, e o selecionador Jaroslaw Kolakowski deu conta da viagem do defesa para Nice, onde iria ser observado por um médico, sem o excluir definitivamente da competição, que vai ser disputada entre 14 de junho e 15 de julho, na Rússia.

O médico da seleção polaca, Jacek Jaroszewski, reconheceu a gravidade da lesão do defesa central de 30 anos, explicando que danificou “estrutura que estabiliza a clavícula” e que a recuperação deverá demorar cerca de seis semanas.

No entanto, e apesar do anuncio do presidente federativo, o clínico remeteu uma decisão para quinta-feira, após a avaliação da lesão por um especialista.

O também defesa central Marcin Kaminski, que alinha no Estugarda, é apontado como provável substituto de Glik na Polónia, que vai defrontar, no Grupo H, as seleções de Senegal, Colômbia e Japão.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.