Paulo Gonçalves precisou de 28.48 minutos para cumprir os 39 quilómetros cronometrados inaugurais da edição 2017 do Dakar, menos 28 segundos do que De Soultrait.

O gaulês gastou menos dois segundos do que o espanhol Juan Pedrero (Sherco TVS), 14 do que o norte-americano Ricky Brabec (Honda) e 18 do que o francês Michael Metge (Honda).

Joaquim Rodrigues (Hero) foi o segundo melhor português, na 16.ª posição, a 1.22 minutos, com Hélder Rodrigues (Yamaha) a ser 27.º, a 2.27, Mário Patrão (KTM) a terminar em 29.º, a 2.38, e Luís Portela de Morais (KTM) a concluir na 35.ª posição, a 3.28.

Gonçalo Reis (KTM) foi 39.ª, a 3.44 minutos do vencedor da tirada, Fausto Mota (Yamaha) acabou em 53.º, a 5.04, David Megre acabou em 55.º, a 5.07, Pedro Bianchi Prata (Honda) foi 60.º, a 5.52, e Rui Oliveira (Yamaha) terminou na 64.ª posição, a 6.22.

Na terça-feira, disputa-se a segunda etapa, entre Resistência e San Miguel de Tucumán, com um total de 803 quilómetros, dos quais 275 cronometrados.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.