O jovem, de 22 anos, que ocupa o quinto lugar do ‘ranking’ ATP, impôs-se ao adversário germânico, número seis mundial, em cinco ‘sets’, pelos parciais de 6-3, 6-3, 4-6, 4-6 e 6-3, ao fim de três horas e 37 minutos, para disputar, pela primeira vez na carreira, uma final de um torneio do Grand Slam.

Consumado o triunfo, Stefanos Tsitsipas, campeão do Masters 1.000 de Monte Carlo e semifinalista de Roland Garros em 2020, fica a aguardar pelo desfecho da segunda meia-final, entre Rafael Nadal e Novak Djokovic, para conhecer o último adversário na corrida pelo título do ‘major’ francês.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.