“Essa decisão não afeta de maneira nenhuma a celebração dos jogos do Europeu de 2020 e a final da Liga dos Campeões. A decisão da Agência Mundial Antidopagem (AMA) não anula a decisão da UEFA. Não há motivos para isso”, disse Koloskov, antigo vice-presidente da FIFA, à agência Interfax.

A cidade russa de São Petersburgo vai acolher três jogos da fase de grupos do Euro2020 em junho do próximo ano, bem como um jogo dos quartos de final em julho. A mesma cidade vai receber a final da Liga dos Campeões em 2021.

A Rússia foi hoje excluída dos Jogos Olímpicos durante quatro anos, devido a questões de doping levadas a cabo com o apoio estatal tornadas públicas há cerca de seis anos. Além das competições olímpicas, o país ficará também impedido de participar em competições mundiais durante quatro anos, incluindo a qualificação para o Mundial de futebol de 2022.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.