O avançado luso Orlando Sá deu vantagem ao Standard aos 45+1 minutos, mas passou de herói a vilão no final do encontro, quando falhou um penálti, aos 90+1, numa altura em que o jogo já estava empatado.

Antes, aos 72 minutos, também de grande penalidade, Hairemans tinha marcado para o Antuérpia, equipa que contou com Buta, jogador emprestado pelo Benfica, a titular, e que é comandada pelo romeno Laszlo Boloni, que chegou a ser treinador de Sá Pinto no Sporting.

Com este resultado, o Standard Liège manteve o sexto posto da liga belga, com menos um ponto que o Antuérpia, que é quinto, e a 16 pontos do líder Club Brugge, que visita ainda hoje o campo do Eupen, último classificado.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.