Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), divulgado na página internet do regulador, a SAD do Benfica contabiliza em 38,4 milhões de euros o seu resultado operacional consolidado, um aumento de 25 por cento em relação ao período transato.

Em 2014/15, a Benfica SAD apresentou um resultado líquido de 7,1 milhões de euros, tendo assim alcançado um aumento de 188,4 por cento (20,4 milhões de euros).

Os 'encarnados' esclarecem ainda que os resultados operacionais, excluindo transações com atletas, ascenderam a 126,1 milhões de euros, um acréscimo de 23,6 por cento.

A venda de jogadores como Renato Sanches, Nicolás Gaitán e outros arrecadou 81,9 milhões de euros, o que resultou em rendimentos totais de 211,9 milhões de euros, um novo recorde nas contas da SAD benfiquista.

O passivo consolidado da Benfica SAD aumentou seis por cento, para 455,5 milhões de euros, enquanto o ativo consolidado passou a ser de 476,4 milhões de euros, um acréscimo de 10,7 por cento.

Em 2015/16, a Benfica SAD não necessitou de novos financiamentos bancários e reduziu a sua dívida bancária em 49,7 milhões de euros.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.