A velocista russa Yulia Chermoshanskaya, que conquistou a medalha de ouro na estafeta 4x100 metros em 2008, e os ucranianos Oleksandr Pyatnytsya, medalha de prata no dardo, e Denys Yurchenko, bronze no salto com vara, foram todos suspensos por um período de dois anos.

No ano passado, o Comité Olímpico Internacional já tinha retirado as medalhas a estes três atletas.

A IAAF suspendeu também por um período de dois anos as atletas Vita Palamar, Marharyta Tverdohlib e Maksym Mazuryk.

O organismo máximo do atletismo mundial anunciou ainda a suspensão por oito anos da ucraniana Natalia Lupu, campeã europeia dos 800 metros em pista coberta em 2008, por ter falhado, pela segunda vez, um controlo antidoping.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.