Depois de perder com o Rapperswil-Jona, do terceiro escalão da Suíça, e empatar com o St.Gallen, da Liga helvética, e com os belgas do Club Brugge, os ‘leões’ fizeram a sua melhor exibição frente ao Liverpool (2-2).

Apesar de várias notícias o darem como uma das grandes transferências do defesa, Bruno Fernandes, melhor jogador da última I Liga, continua no plantel dos ‘leões’, naquela que será uma das melhores notícias para o Sporting e para o treinador holandês Marcel Keizer.

Os jogos de pré-época acentuaram a ideia de que a equipa gira em torno do capitão, que esteve envolvido em quase todos os golos dos ‘leões’ na pré-temporada, marcando por quatro vezes em cinco partidas.

Com Gudelj a ser a única grande baixa no plantel esta temporada, o Sporting reforçou-se com Luís Neto, Rafael Camacho, Valentin Rosier, único que ainda não se estreou, por estar lesionado, Eduardo e Luciano Vietto, talvez a grande aposta da época.

Contudo, Keizer parece ainda não ter encontrado uma posição certa para o argentino, que já atuou na esquerda ou atrás do ponta de lança.

Para o encontro da Supertaça, as grandes dúvidas parecem estar nas laterais, com o jovem Thierry Correia e Tiago Ilori a serem as opções para a direita, e Borja e Acuña para a esquerda, com Coates e Mathieu a deverem ocupar o eixo central.

No meio-campo, Doumbia, Wendel e Bruno Fernandes devem ter lugar ‘cativo’, assim como Raphinha e o próprio Vietto, titular em quatro dos cinco encontros – a entrada de Acuña para a esquerda não é de descartar –, com Bas Dost e Luís Phellype a lutarem pela vaga no ataque.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.