Os ‘dragões’ concluíram esta fase da prova, a penúltima antes do ‘play-off’ final, no segundo posto, no segundo posto, com 49 pontos, e os “leões ocuparam o lugar imediato, com a mesma pontuação. O Benfica classificou-se na primeira posição, com 52 pontos, e a Oliveirense terminou no quarto lugar, com 42

O encontro desta tarde entre o FC Porto e o Sporting assinalou o regresso à competição do base portista Mike Landis, que esteve fora por lesão, e o jogador evidenciou o seu poderio concretizador, tendo sido o melhor marcador, com 21 pontos.

Landis saiu do jogo por ter atingido a quinta falta logo após mais um triplo que deixou a sua equipa a ganhar por 69-67, quando restava pouco tempo para o final. Depois disso, o Sporting empatou, o FC Porto ainda fez o 70-69 e Miguel Cardoso concretizou dois lances livres que valeram o triunfo ‘leonino’.

O FC Porto ainda não havia perdido em casa e hoje começou bem, fechou o primeiro período na frente e saiu para o intervalo a ganhar por um ponto (35-34), e já com Mike Landis a mostrar serviço.

Depois de uma primeira parte morna, tudo mudou no período complementar. Brad Tinsley perdeu a bola para Travante Williams logo nos instantes iniciais do segundo tempo e depois cometeu a sua quarta falta, o que levou Moncho López a substituí-lo.

O desacerto de Tinsley parece ter afetado o FC Porto e o Sporting aproveitou, tendo Travante Williams concretizado um triplo e Micah Downs acrescentado pouco depois mais dois pontos à conta ‘leonina’.

O Sporting passou a liderar o marcador, chegou a ter nove pontos de avanço (49-40) e e fechou o terceiro período com mais dois pontos que o FC Porto (58-56).

Os ‘dragões’ reagiram e o Sporting começou a ficar para trás e não conseguiu responder à intensidade defensiva e atacante que o FC Porto adotou desde que se viu a perder.

Os portistas viraram então o jogo a seu favor (66-61), mas o Sporting resistiu bem e logrou um parcial de 5-0 que deixou as duas equipas separadas por dois pontos (66-64) e o resultado final em aberto.

Mike Landis foi então excluído quando o FC Porto ganhava por 69-67 e o Sporting empatou com dois lances livres de Miguel Cardoso e o mesmo jogador garantiu o triunfo leonino com mais dois pontos da linha de lances livres.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.