O lisboeta e 140.º no 'ranking' ATP bateu o sul-africano Lloyd Harris (112.º ATP) em dois ‘sets’, pelos parciais de 6-1 e 6-1, e deu o primeiro ponto à seleção lusa que está a jogar pela manutenção no Grupo I e o acesso ao ‘qualifying’ para o Grupo Mundial, a realizar-se em fevereiro de 2019.

Depois de Pedro Sousa, o vimaranense João Sousa vai defrontar Nicolaas Scholtz no court central do CIF para tentar amealhar o segundo ponto para a equipa portuguesa.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.