O Costa do Sol e o Ferroviário da Beira disputam este sábado, 10, a final da Taça de Moçambique de futebol no estádio Nacional de Zimpeto, em Maputo.

Esta é uma “final” portuguesa, com o Costa do Sol, detentor em título e clube da capital moçambicana, treinado por Rogério Gonçalves a defrontar o emblema da cidade da Beira orientado por Horácio Gonçalves.

Numa competição que se disputa desde 1978 (com exceção do ano de 1985), o Costa do Sol é o clube com mais taças conquistadas (12). Por sua vez, Ferroviário de Beira ergueu o troféu por três ocasiões (2005, 2013 e 2014).

Costa do Sol e Ferroviário da Beira chegaram à final depois de eliminarem, respetivamente, o Maxaquene e a Liga Desportiva de Maputo.

Para as duas equipas treinadas por portugueses a Taça servirá como tábua de salvação de uma época em que terminaram o Moçambola (conquistado pela UD Songo) longe dos lugares cimeiros. O Costa do Sol terminou no oitavo posto, com 40 pontos, enquanto o Ferroviário da Beira, somou 39, ocupando a posição imediatamente abaixo.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.